Que tipo de sistema de dados a empresa precisa ter para poder desenvolver seu programa, seja ele de Fidelidade ou Relacionamento.

  1. O fundamental é que a empresa tenha capacidade de gerar dados que servirão de base para as análises do programa, sejam elas de perfil ou pontuação dos participantes. São raras as empresas que, nos dias de hoje não possuem ao menos uma ferramenta de gestão, mesmo que num modelo simplificado, que tenha a capacidade de cadastrar dados, controlar fluxo de caixa, emitir nota fiscal, fazer pedido e etc.
  2. Fazendo-se a migração destes dados para o sistema de gestão de Programas de Relacionamento da agência, todos os exercícios de análise de perfil e pontuação são possíveis.

 

A base de dados de uma empresa é um dos seus maiores patrimônios. Como fica a questão da segurança destes dados?

 

  1. Este é um assunto muito sério e que deve ser tratado com muito cuidado. Os dados jamais devem circular via mídias digitais ou e-mails. É necessário criar ambiente web seguro, tanto para a captação dos dados no banco de dados do cliente, quanto para a sua devolução.
  2. Além disso, é fundamental a regulamentação da parceria cliente-agência através de um acordo de confidencialidade, com regras rígidas.