A importância do co-brand para os programas de fidelidade e relacionamento

Todo e qualquer benefício, desde que adequado, real e percebível pelo associado do programa, será bem vindo.

A partir do momento que uma empresa passa a ter uma base de dados e um programa estruturado, é possível desenvolver parcerias interessantes, que tragam benefícios a todos os envolvidos: participantes, empresa patrocinadora do programa e empresas parceiras.

O Marketing de Relacionamento, através de seus programas, oferece um universo de trocas que tem alto valor porque permite, seja através da troca de pontos ou simplesmente através de ações de reconhecimento, a obtenção de produtos e/ou serviços que em muitas situações, os participantes não teriam acesso.

O co-brand enriquece os programas, cria novos motivos para comunicar e oferece recompensas de maneira mais frequente e prática.

Para o programa é uma rica fonte de oferta de benefícios, sem custo, pois o que prevalece entre as partes – empresa patrocinadora e parceiros – é a troca de serviços e bases de potenciais clientes.

É importante ressaltar que nem sempre as informações das bases de dados do patrocinador do programa são compartilhadas com seus parceiros. Caso seja fundamental para que a parceria aconteça, os mesmos cuidados quanto ao sigilo das informações, firmado entre agência e empresa patrocinadora deverão ser igualmente firmados entre empresa patrocinadora e parceiros.

Um exemplo para ilustrar melhor:

1-       Uma empresa de seguros tem um programa de relacionamento para sua base de clientes

2-       Um dos produtos é seguro para mulheres

3-       Mulheres costumam usar os serviços de clínicas de estética

Por que não fazer uma ação de co-brand entre as duas empresas? Seguradora e rede de clínicas de estética?

Fazendo parte do programa de relacionamento da seguradora a base de clientes obtém desconto nos serviços da rede de clínicas de estética. A rede de clínicas recebe um volume muito maior de clientes, oriundos da base da seguradora, em troca concede o desconto. A seguradora divulga seus produtos na clínica de estética e obtém mais clientes. É um ciclo, no qual todos ganham: seguradora –clinica de estética – clientes.

O maior cuidado ao se buscar parceiros de co-brand para um programa é importante avaliar quais se adéquam ao perfil dos participantes nos diferentes segmentos do seu universo.